Para que serve a Espiritualidade?

Postado em Atualizado em

Título: Para que serve a Espiritualidade?
Autor: Haroldo Segura C.
Editora: Ultimato
Onde comprar? Livraria ÁgapeUltimatoErdos 
Quando li: agosto/2012
Hotsite do livro: aqui
Meu Comentário: A espiritualidade tem chamado minha atenção já há algum tempo, principalmente sua distinção da religião, por isso tenho colecionado livros que tratam desta temática.

A obra deste autor latino-americano foi uma leitura bastante agradável, tanto pelo seu modo de escrever quanto pelo conteúdo do livro, o qual conseguiu que eu desejasse lê-lo novamente.

Quem pensa em ler um livro sobre espiritualidade, cuja abordagem remete-se apenas as questões de transcendência, engana-se, pois para o autor a espiritualidade está intrinsecamente relacionado com a missão, de madeira que quem deseja viver sua espiritualidade alheia a missão ou sua missão desconsiderando a espiritualidade, não é da espiritualidade cristã que se está falando.

Segura C. comenta sobre o modelo encarnacional de missão; a relação entre teologia e direitos humanos; o papel profético do cristão na sociedade, o qual relaciona-se com política e outras mobilizações; o papel da oração e da ação como ferramentas de transformações sociais, mostrando que o evangelho não deve ser visto como “evangelho social”, mas integral.

Destaco o capítulo 3, que fala sobre uma igreja para os outros, o qual tocou muito, tanto meus sentimentos quanto minha razão, levando a reflexão de temas como missiologia, eclesiologia, pneumatologia etc.

————————————————————————————————————————————————–
Sinopse: 
Os evangélicos conhecem pouco sobre espiritualidade. A crescente “religiosidade” das igrejas brasileiras é ainda carente de bases teológicas e de conteúdo bíblico.

Para Que Serve a Espiritualidade? aponta para o que se pode chamar de “uma espiritualidade de compromisso”. Uma espiritualidade que se identifica e demonstra vínculos com o reino de Deus e a sua justiça. Que não deixa espaço para uma religiosidade superficial ou descontextualizada, nem para o ritualismo religioso.

Para o autor, aquilo que somos e as nossas motivações dizem mais sobre a nossa “espiritualidade” do que as experiências de êxtase ou alguma prática religiosa revestida de misticismo.

* * *

“Espiritualidade é colocar em prática o discernimento da vontade de Deus para a vida comunitária em todas as suas dimensões. A espiritualidade é um dom e uma tarefa.”
C. René Padilla, teólogo, autor de O Que É Missão Integral?

Anúncios

Gostaria muito de conhecer sua opinião sobre este post/ I'd like to know your opinion about this post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s