Opinião sobre VINACC e Ariovaldo Ramos – o sectarismo de um e o silêncio do outro

Postado em Atualizado em

ariovaldo-ccLi o artigo da Mariana Gouveia no site da Consciência Cristã Vinacc sobre o pastor Ariovaldo Ramos que fez as seguintes publicações em sua conta no twitter: “Aviso aos navegantes: juiz ñ pode desfilar de toga em passarela nem ser fofoqueiro! ‪#‎ESTADODEDIREITOJA‬” e “O presidente não tem celular, a Presidenta tem… Adivinha quem foi grampeado! #ESTADODEDIREITOJA”.

O que li acima é que o Ari discorda como muitos brasileiros do grampeamento solicitado pelo juiz Moro e não que “desqualifica as investigações da Operação Lava Jato”. Na nota (ou artigo) insinua-se que o referido pastor faz parte do “cada vez menor número de pessoas que defendem, publicamente, o Partido dos Trabalhadores, envolvido no maior escândalo de corrupção da história do Brasil.”

Ora, apesar de discordar do posicionamento político-ideológico do Ari, seus twitters não deixam claro que ele defende o PT no atual momento (o que seria lamentável!!). Apenas que discordou da ação do juiz Moro naquele ponto da condução das investigações e não mais que isso.

Além disso, digo eu e não o artigo, a autora sugere que o Ari não é evangélico e não só ele, mas qualquer um que dizendo evangélico seja pró-governo. Isso é assustador. Como assim? Quer dizer que o equivoco ou o erro ou o pecado de um irmão em Cristo é suficiente para desqualificá-lo de ser evangélico ou mesmo cristão? Isso parece mais uma lógica pelagiana ou semi-pelagiana do que “o antigo evangelho”.

De modo nenhum nossas diferenças periféricas devem ser usadas para segregar (o que é diabólico, como diria Ricardo Quadros Gouveia), se no centro temos algo em comum: Cristo e somente Ele.

Não achei sensato parte do artigo divulgado pela VINACC acerca do Ari, pois é baseado mais na subjetividade do que naquilo que foi dito, mas faço coro com eles ao denunciarem o silêncio deste pastor conhecido nacionalmente e um dos ícones da TMI no Brasil. Não obstante esta omissão não é só dele, mas compartilhada por diversos pastores e lideres das mais diversas denominações evangélicas e, principalmente, daqueles que ocupam muito mais do que os púlpitos de suas igrejas, mas as diversas redes sociais.

Que Deus nos ajude a derrubar os muros que erguemos e a remover os lacres das nossas bocas, Amém!

Naquele que nos une em Cristo,
Zé Bruno

Anúncios

Gostaria muito de conhecer sua opinião sobre este post/ I'd like to know your opinion about this post

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s