ideologia

Entre o equivoco e a contradição – o estreito em que Ed René Kivitz entrou

Postado em

O Ed se posicionou. Diga-se de passagem de maneira bem diferente do conteúdo do manifesto que, lamentavelmente, assinou. Mas o Ed, como já disse em outras postagens, erra ao fazer algumas declarações dúbias, que a princípio dão-lhe uma imagem que não é a real e acabam servindo de munição para aqueles que o veem como herege. Entretanto seu erro costuma dá lugar à virtude, quando depois do barulho das ambiguidades, ele vem a público e se explica, deixando claro sua posição. Isso aconteceu quando o acusaram de ser teísta aberto, de ter dito que o sexo entre casais solteiros não era pecado e de ser universalista.

Não digo que sua última postagem foi um desses esclarecimentos, porém ficou claro pra mim uma coisa: ter declarado sua posição após ter assinado o Manifesto Missão na Íntegra deixou-o entre o equivoco e a contradição. Não vejo uma outra saída. Pelo menos por dois motivos: Leia o resto deste post »

Por quê não assino? Objeções ao Manifesto de Evangélicos pelo Estado de Direito — Iniciativa do Missão na Íntegra

Postado em

GcLSZeRqO manifesto emitido pelo Missão na Íntegra termina com um espaço para ser assinado por aqueles que o endossam. Não será o meu caso! Embora concorde com alguns pontos, não posso assinar a carta porque há, lamentavelmente, uma tendência pró-governo (leia-se PT). O manifesto soa como um eco da defesa da situação. Além disso não o assino devido a parcialidade do documento, o qual não representa a pluralidade de opiniões, que afirma haver no própriomovimento. No entanto deixo claro que tal postura em nada tem a ver com a Teologia da Missão Integral (TMI), mas da opinião de ALGUNS irmãos que compõe o movimento da Missão Integral. Eu lamento profundamente que a TMI seja usado como simbolo de posições ideológicas. Falo isto porque a teologia não precisa de uma ideologia pra viver. Leia o resto deste post »

Por que somos contra o voto de cajado

Postado em Atualizado em

by Caio Marçal

Estamos numa época realmente importante da vida política brasileira, pois chegou o tempo das eleições municipais. Sim, embora política não seja algo que se faça apenas em época de pleito eleitoral, apesar dos escândalos envolvendo autoridades escolhidas para gerirem o estado terem causado nojo e fomentado o desejo de grande parte de nossa gente querer distância desse tema, apesar de tudo isso, cremos que a conquista do voto num país que viveu longos períodos de ditadura, deve ser visto como um avanço para nosso país. Leia o resto deste post »