oleiro

Apenas um sonho

Postado em Atualizado em

por Jonas Madureira

Quando Deus chama, ele faz o que ele chama.

John Wesley

oleiroAs mãos enrugadas, marcadas pelo tempo e pelo labor incansável, tocam o barro junto à roda. O barro, ainda disforme vai girando numa cadência estonteante. As mãos do oleiro, em movimentos lânguidos e precisos, contornam e dão forma ao caos.

Um pastor se aproxima e observa os movimentos, quase sem respirar, tomando todo o cuidado possível para não atrapalhar o ofício do oleiro. Por um instante, a atenção do pastor se volta para os olhos do oleiro, e não mais para as suas mãos. O olhar do oleiro está fixo na direção do barro. E o pastor perplexo descobre que nada, nem a sua presença ali, é capaz de roubar a atenção que o oleiro dispensa sobre a sua obra. Leia o resto deste post »

Anúncios